As Línguas mais Fáceis de Aprender para Brasileiros

As línguas mais fáceis de aprender -

Você já conheceu alguma pessoa que consegue falar múltiplos idiomas sem muita dificuldade? Será que eles estudam a vida inteira para isso? A verdade é que existem  línguas mais fáceis de aprender para nós brasileiros que demandam um tempo e um esforço menor do que outras.

Mas qual é a explicação para isso? Alguns especialistas explicam que existem dois ou três fatores que são determinantes para quem deseja aprender um novo idioma: o primeiro é a similaridade da língua-mãe com a língua que se quer estudar; o segundo se refere ao nível de estímulo e vontade que a pessoa tem.

Vamos começar elucidando o primeiro fator para depois adentrarmos na necessidade de uma segunda ou terceira língua.

Similaridade com a Língua Materna

As línguas mais fáceis de aprender - alfabetoDe acordo com os pesquisadores, as línguas mais fáceis de aprender são aquelas que têm um certo grau de semelhança com a língua materna da pessoa. Assim, as derivadas do latim (italiano, espanhol, francês, etc.) são, teoricamente, mais simples do que as anglo-saxônicas (Alemão, sueco, inglês, etc) para uma pessoa que fala português, já que são da mesma “família”.

Isso acontece porque possuem uma árvore genealógica em comum. Dessa forma, sua pronuncia e seu alfabeto são muito parecidos, o que facilita muito na hora de relacionar um termo com o outro. Podemos classificá-las, de acordo com esse critério, em:

Idiomas mais difíceis de aprender

São aqueles que possuem uma pronúncia e um alfabeto completamente diferentes do nosso.  São constituídos normalmente de símbolos quase indecifráveis para um leigo. Se você pegar um texto em russo ou japonês, saberá do que eu estou falando. Dessa forma, eles tendem a exigir um nível muito alto de esforço para serem aprendidos. Ex: japonês, russo, árabe, mandarim, etc.

Idiomas de nível Intermediário

São os que, apesar de não serem exatamente da mesma família que o português, utilizam o mesmo conjunto de sinais ou símbolos, ou seja, utilizam o mesmo alfabeto. Um bom exemplo seria o Inglês, que, embora não seja tão fácil, até um leigo pode aprender rapidamente. Existem até mesmo dezenas de aplicativos para aprender inglês na Play Store e no App Store.

Idiomas mais fáceis de aprender

Já que somos brasileiros, são aqueles da mesma família do português. São todos aqueles que derivam do latim. Confira mais abaixo a lista que preparamos sobres as línguas mais fáceis de aprender. Se você nunca tiver feito um curso de espanhol, provavelmente ainda irá conseguir ler, talvez com um pouco de dificuldade, um texto em espanhol.

Por que aprender um novo idioma?

As razões para aprender um novo idioma são inumeráveis, a começar pela competitividade no mercado de trabalho que está sempre exigindo mais qualificações dos concorrentes. Sabemos que o inglês não é mais um bônus, mas sim um pré-requisito para arrumar um bom emprego. Aproveite para dar uma olhada nessas boas ferramentas para aprender inglês e espanhol.

Assim, devemos aproveitar que ainda existem grandes oportunidades de emprego para quem possui um segunda ou terceira língua. No setor tecnológico, o mandarim está ficando cada vez mais requisitado, já que a China está se tornando (ou já se tornou) o maior mercado mundial nesse ramo.

Além disso, se você ainda está no ensino médio e pretende se preparar para fazer um intercambio, uma boa forma de começar é aprender uma outra língua. É imprescindível também se você quiser fazer uma viagem.

Confira nosso post sobre os Países que falam inglês como língua oficial para ter uma noção de quantas nações e pessoas você poderia conhecer se soubesse falar, pelo menos o inglês.

Algumas das línguas mais fáceis de aprender

Como já foi dito, as línguas mais fáceis de aprender para brasileiros são aquelas que derivam do latim, já que falamos português. Por isso, seria bom conhecer cada uma delas e sua Importância.

EspanhaEspanhol

O espanhol ou castelhano é  uma língua românica e possui mais de 400 falantes nativos. Depois do Inglês, ela está em segundo lugar em nível de importância no mundo todo. Seu nível de compreensão, para nós, falantes da língua portuguesa, é enorme, pois a maioria de suas palavras é muito parecida com as nossas. É importante avisar, no entanto, que alguns vocábulos, apesar de serem semelhantes, não possuem o mesmo significado no português. Então cuidado!

FrançaFrancês

O francês é falado por quase 140 milhões de pessoas em todo o globo. Se incluídas as pessoas que a falam como uma segunda língua, o número aumenta para quase 500 milhões, tornando-a um dos idiomas mais falados no mundo. É também uma língua românica derivada do latim que se aproxima muito do inglês e do português.

ItáliaItaliano

É a segunda língua que mais se aproxima do latim. Seus falantes oficiais se encontram na Itália (óbvio), Suíça e no Vaticano, além de vários outros países com uma menor porcentagem. É uma língua muito importante na Europa e representa, inclusive, o Idioma oficial de alguns órgãos da União Europeia.

RomêniaRomeno

Apesar de não ser uma das línguas mais fáceis de aprender como as outras e nem ser tão popular. Os falantes do Romeno vêm crescendo ao longo do tempo. Hoje, eles representam 28 milhões de pessoas concentrados nos países da Romênia e da Moldávia.

 

Você acabou de ver porque existem línguas mais fáceis de aprender do que outras para os brasileiros. Viu também que a dificuldade depende da pessoa e do dialeto que ela já possui.

Além disso, descobriu quais são os idiomas latinos e o porquê de eles serem tão familiares para nós. Se, por acaso, tiver alguma dúvida, comente para podermos saná-las. Se você gostou do post, compartilhe para que outras pessoas também possam aprender.